“Atacar a bola” e mudanças de postura: treino de Turra no Palmeiras

“Atacar a bola” e mudanças de postura: treino de Turra no Palmeiras

Quando a imprensa chegou à Academia de Futebol, ainda não estava definido quem iria comandar o treino desta segunda-feira, um dos auxiliares técnicos de Luiz Felipe Scolari, Paulo Turra, ou o então interino Wesley Carvalho, que dirigiu o Verdão contra o Paraná. Após as atividades físicas comandadas por Omar Feitosa, porém, isso logo ficou claro.

Ao contrário da última sexta-feira, quando Turra e Carlos Pracidelli estiveram na Academia de Futebol pela primeira vez, ambos reuniram o elenco para explicar como seriam os trabalhos do dia. O ex-zagueiro foi quem mais falou na roda dos atletas, enquanto o antigo preparador de goleiros distribuía os coletes aos jogadores.

Assim, Paulo Turra montou duas equipes de nove jogadores para se enfrentarem em campo reduzido. De verde atuaram Matheus Rocha, Luan, Nico Freire e Victor Luiz; Felipe Melo; Yan e Vitinho; Borja. Na outra equipe, de colete azul, jogaram Jean, Pedrão, Edu Dracena e Luan Cândido; Thiago Santos; Hyoran e Lucas Lima; Deyverson. Os goleiros e revezaram.

Diferente de Roger Machado, Paulo Turra ficou entre os jogadores durante a atividade. O auxiliar falou muito com os atletas, cobrou e orientou. Quando Jean pressionou Victor Luiz e não tomou a bola, mas forçou um passe errado, que depois foi recuperado por Lucas Lima, Turra gritou: “Isso aí! Não necessariamente vocês vão roubar a bola no primeiro bote, pode ser no segundo ou no terceiro. O importa é atacar a bola!”.

Após as atividades, Turra, que era zagueiro e fez 41 jogos pelo Palmeiras entre 2000 e 2001, conversou em particular com Nicolás Freire. O argentino, aliás, mostrou uma mudança grande de postura nesta segunda-feira, em relação aos treinos com Roger Machado. Mais solto, o zagueiro falou muito na atividade e orientou os companheiros.

Ver imagem no TwitterVer imagem no TwitterVer imagem no Twitter
 

Nicolás Freire ficou alguns minutos conversando com Paulo Turra após o treino

 

A tendência é que Paulo Turra comande o Palmeiras contra o Bahia, na próxima quinta-feira, pela ida das quartas de final da Copa do Brasil. Na sexta-feira, Luiz Felipe Scolari deve chegar a São Paulo, mas não está definido se assumirá a direção do Verdão contra o América-MG, no domingo.

 

 

 

Fonte: Gazeta Esportiva.

Ainda não se cadastrou no PORCO CHAT? Cadastre-se »